Música I wanna be yours


A balada romântica I wanna be yours foi lançada pela banda britânica de indie rock Arctic Monkeys.

Composta pelo vocalista e guitarrista Alex Turner sob inspiração do poema de autoria de John Cooper Clarke, a canção logo se tornou um dos maiores sucessos do grupo.

I wanna be yours é a faixa de encerramento do álbum AM, lançado em setembro de 2013.

Letra

I Wanna Be Yours

I wanna be your vacuum cleaner
Breathing in your dust
I wanna be your Ford Cortina
I will never rust
If you like your coffee hot
Let me be your coffee pot
You call the shots babe
I just wanna be yours

Secrets I have held in my heart
Are harder to hide than I thought
Maybe I just wanna be yours
I wanna be yours, I wanna be yours
Wanna be yours, wanna be yours, wanna be yours

Let me be your 'leccy meter and I'll never run out
And let me be the portable heater that you'll get cold without
I wanna be your setting lotion (I wanna be)
Hold your hair in deep devotion (How deep?)
At least as deep as the Pacific Ocean
I wanna be yours

Secrets I have held in my heart
Are harder to hide than I thought
Maybe I just wanna be yours
I wanna be yours, I wanna be yours
Wanna be yours, wanna be yours, wanna be yours
Wanna be yours, wanna be yours, wanna be yours, wanna be yours

I wanna be your vacuum cleaner
Breathing in your dust
I wanna be your Ford Cortina
I will never rust
I just wanna be yours (Wanna be yours)
I just wanna be yours (Wanna be yours)
I just wanna be yours (Wanna be yours)

A música I wanna be yours, composta por Alex Turner, foi inspirada no poema escrito pelo autor britânico John Cooper Clarke. A performance com a leitura dos versos feita pelo poeta underground foi gravada em 1982.

O título "I Wanna be your Teddy-Bear", pode fazer uma possível referência à música de Elvis Presley, lançada em 1957.

A canção romântica I wanna be yours é escrita por um apaixonado que se declara de corpo e alma para a amada. Mais do que estar ao seu lado, o que o eu-lírico deseja é ser útil ao seu objeto de desejo. 

I wanna be your vacuum cleaner
Breathing in your dust

Declarar o seu amor parece ser pouco, o que o amado deseja mesmo é tornar-se parte essencial da rotina da parceira, antecipando e suprindo as suas necessidades cotidianas.

If you like your coffee hot
Let me be your coffee pot

Os objetos do dia-a-dia (a cafeteira, o aspirador de pó, o carro) são elencados como metáfora bem humorada para ilustrar a importância e o desejo do amor pela companheira.

A originalidade está no fato de serem mencionadas coisas inanimadas que raramente são associadas as declarações de amor.

O eu-lírico exalta tanto a amada que praticamente a coloca em um pedestal, prometendo servi-la e saciar todas as suas necessidades.

Por ser uma letra sobre a paixão e o encantamento, a criação não perde jamais a validade, tornando-se sempre uma composição atual para ilustrar relacionamentos amorosos.  

Quando o verso abaixo é composto,

You call the shots babe

o autor quer dizer que está disposto a deixar a amada assumir o comando e fazer exatamente o que ela deseja que seja feito. A entrega é total e absoluta, tanto que a palavra devoção chega inclusive a ser mencionada, demonstrando o total comprometimento com a paixão idealizada.

"Hold your hair in deep devotion"

Devido ao seu teor altamente sentimental, a música I wanna be yours é muito usada como trilha sonora em casamentos e em pedidos de noivado e namoro. A canção virou uma espécie de hino entre os apaixonados.

O amor retratado na letra promete não ter data de validade. Para ilustrar a durabilidade da relação, a letra faz uma referência improvável e bem-humorada à um carro muito popular da marca Ford.

I wanna be your Ford Cortina
I will never rust

Quando Alex menciona o Ford Cortina, muitos ouvintes não ingleses devem ficar perdidos com a referência. 

O Ford Cortina foi um carro familiar muito popular, de tamanho médio, fabricado pela Ford da Inglaterra durante vinte anos consecutivos (entre 1962 e 1982). Foi conhecido por ter sido um veículo extremamente durável e de confiança, que conduzia, em segurança, a família para todo lado.

O citado Ford Cortina.
O citado Ford Cortina.

Uma curiosidade sobre a canção: esta foi a primeira música que os Monkeys gravaram com uma bateria eletrônica.

Sobre a criação da música e o momento em que conheceu os versos de John, Alex recorda a primeira vez que ouviu o poema, ainda na escola:

Eu era um típico adolescente, tentando ser legal e não interessado, e o professor começou a ler "Quero ser seu", dando uma impressão do trabalho de Johnny. O poema fez minhas orelhas picarem na sala de aula porque não era nada parecido com nada que eu tivesse ouvido, especialmente nesta classe. Se eu não o tivesse visto fazer a coisa dele, não teria começado a escrever assim. 

Apesar da atitude proposta na letra sugerir habitualmente que o falante quisesse fazer o máximo possível pela menina, há quem interprete a letra como uma expressão de controle, domínio e dependência do homem sobre a mulher. 

Tradução

Eu quero ser seu 

Eu quero ser seu aspirador de pó
Respirando na sua poeira
Eu quero ser seu Ford Cortina
Eu nunca vou enferrujar
Se você gosta do seu café quente
Me deixe ser a sua cafeteira
Você que decide, querida
Eu só quero ser seu

Segredos que tenho mantido em meu coração
São mais difíceis de esconder do que eu pensava
Talvez eu só queira ser seu

Eu quero ser seu, eu quero ser seu
Quero ser seu, quero ser seu, quero ser seu

Deixe-me ser o seu medidor elétrico
E eu nunca vou parar de funcionar
Deixe-me ser o aquecedor portátil
Que você vai ficar sem frio

Eu quero ser o seu gel (quero ser)
Segurar o seu cabelo em profunda devoção (quão profundo?)
Pelo menos tão profundo quanto o oceano Pacífico
Eu quero ser seu

Segredos que tenho mantido em meu coração
São mais difíceis de esconder do que eu pensava
Talvez eu só quero ser seu
Eu quero ser seu, eu quero ser seu
Eu quero ser seu, eu quero ser seu, eu quero ser seu
Eu quero ser seu, eu quero ser seu, eu quero ser seu, eu quero ser seu

Eu quero ser o seu aspirador de pó
Respirar sua poeira
Eu quero ser seu Ford Cortina
Eu nunca vou enferrujar

Eu quero ser seu (eu quero ser seu)
Eu quero ser seu (eu quero ser seu)
Eu quero ser seu (eu quero ser seu)

Descubra John Cooper Clarke

John Cooper Clarke foi famoso no universo do punk durante os anos 70 e escreveu o famoso poema romântico que serviu como base para a composição da banda de Sheffield.

O poema homônimo escrito por Clarke nos anos 80 foi adaptado por Alex Turner, que trocou algumas palavras para que a música encaixasse melhor. O poeta afirma:

"Eu escrevi um poema anos atrás, chamado 'I Wanna Be Yours'. É uma criação onde tento me reduzir ao nível de uma mera mercadoria para o bem maior do objeto do meu desejo. Mas todo o crédito do trabalho devo ao meu colega letrista Alex Turner que descobriu uma canção romântica desse número. O que ele fez aqui é uma coisa muito difícil, ele converteu em poema em uma música."

Em um vídeo divulgado no youtube, John Cooper Clarke agradece a parceria feita com os Arctic Monkeys e declama a versão original do poema, antes do mesmo ter sido musicado.

O resultado é bastante diferente da adaptação de Turner feita para os Arctic Monkeys, confira:

Para que você possa identificar as semelhanças e as diferenças, o poema original, escrito por Clarke, segue transcrito abaixo:

I wanna be your vacuum cleaner 
breathing in your dust 
I wanna be your Ford Cortina 
I will never rust 
If you like your coffee hot 
let me be your coffee pot 
You call the shots 
I wanna be yours

I wanna be your raincoat 
for those frequent rainy days 
I wanna be your dreamboat 
when you want to sail away 
Let me be your teddy bear 
take me with you anywhere 
I don't care 
I wanna be yours

I wanna be your electric meter 
I will not run out 
I wanna be the electric heater 
you'll get cold without 
I wanna be your setting lotion 
hold your hair in deep devotion 
Deep as the deep Atlantic ocean 
that's how deep is my devotion

Álbum AM

Lançado no dia 9 de setembro de 2013, AM é o quinto álbum de estúdio da banda de rock britânica Arctic Monkeys.

O disco foi um sucesso de público e crítica, tendo vendido 157 mil cópias só na primeira semana de lançamento.

AM foi o topo das paradas de sucesso na Inglaterra e ficou em sexto lugar nas paradas dos Estados Unidos.

Álbum AM.
Capa do álbum AM.

Faixas do álbum AM:

1. Do I wanna know?
2. R U mine?
3. One for the road
4. Arabella
5. I want it all
6. No.1 party anthem
7. Mad sounds
8. Fireside
9. Why'd you only call me when you're high?
10. Snap out of ir
11. Knee socks
12. I wanna be yours

A última música do disco foi um dos grandes sucessos da banda, a faixa encontra-se disponível online:

Conheça também